EcoGuias

Guias de Turismo Ecológico

Rio Araguaia

acampamento araguaiaEm suas águas e nas matas em sua volta, nos lagos e ilhas, em suas praias de areias brancas que aparecem de junho a outubro, o rio Araguaia apresenta um dos mais complexos ecossistemas do Brasil: rica biodiversidade, tradição ecoturística - e risco de degradação ambiental pelo desmatamento de margens e assoreamento.

O mais formoso dos grandes rios brasileiros, o Araguaia atrai anualmente milhares de turistas a suas praias nas ilhas que se formam entre junho e outubro, no periodo de seca. No tempo das águas, o rio sobe e inunda as várzeas em volta, formando lagos que atraem aves, peixes, mamíferos e jacarés: atração para grupos de caçadores de imagens. 

bacia araguaia tocantinsSuas nascentes mais altas estão nas terras altas do sudoeste de Goiás, algumas no Parque Nacional das Emas, de onde córregos correndo para o norte formam o rio de 2.114 km, que vai se juntar ao rio Tocantins e cruzar o Pará até o mar. A maior parte dos turistas do centro-sul entra no Araguaia pela cidade de Aruanã, a 170 km da cidade de Goiás.

araguaia cidades

O Araguaia ganha volume com os afluentes dos dois lados. Em Goiás, logo depois da barra do rio Crixás, o distrito de Bandeirantes é base de apoio para turismo e esportes. Mais ao norte do estado, no municipio de São Miguel, o distrito de Luiz Alves também atrái pelas praias e ilhas na seca e pelos lagos e meandros nas águas.  

gaviao araguaia

Quando vem a cheia, na época das chuvas, aparecem os observadores de pássaros - e animais. Passeiam de voadeira entre os lagos permanentes ou temporários, cheios de aves e bicharada. No curso principal do rio, aproveitam as novas ilhas temporarias, com a areia arrancada de barrancos. Estima-se mais de 400 espécies de aves na bacia do Araguaia. 

acampamento araguaiaO rio Araguaia segue suave e caudaloso para o norte e logo forma a ilha do Bananal, atravessando a região de matas pre-amazônicas ja no estado do Tocantins.  Desenha depois o histórico Bico do Papagaio, misturando-se então ao rio Tocantins. Como Tocantins, suas águas cortam o estado do Pará até desaguar na foz de Marajó, ao lado do grande rio Amazonas.

jacare 03

Em suas águas e nas matas que restaram em sua volta, nos milhares de lagos e baixios inudáveis anualmente, em suas famosas praias de areias brancas que se formam e reformam de junho a outubro, o Araguaia é um dos mais ricos e variados ecossistemas do Brasil, com maior biodiversidade, maior potencial ecoturístico e ao mesmo tempo sob maior risco de degradação ambiental.

araguaia voadeiras

Há poucas unidades de conservação, protegidas por lei, como parques, reservas particulares, áreas de proteção ambiental e outras terras resguardadas. Na segunda metade do século XX o Araguaia sofreu um processo de rápido desmatamento das margens, no rastro do avanço da fronteira agrícola pelo cerrado. O desmatamento ilegal das matas às margens do Araguaia provocou tanto o desaparecimento de animais, como onças e dezenas de espécies que perderam seu habitat,  quanto o assoreamento do leito, pelo desbarrancamento do terreno que perdeu a proteção vegetal. Junto com as secas severas das mudanças climáticas, o assoreamento vem diminuindo a navegabilidade do alto Araguaia a cada ano.

barrariocrixa02

Há também problemas com pesca predatória, má fiscalização, queimadas impunes, turismo predatório e construções às margens dos rios e outros graves desrespeitos ao Código Florestal. Está sob cuidados do Ibama, por ser um rio federal, e das agências de meio ambiente dos governos de Goiás, Mato Grosso e Tocantins. Há de vez em quando projetos perigosos, como a velha tentativa de construção da hidrovia Araguaia/Tocantins, desaconselhada pelos especialistas devido ao impacto ambiental. 

apa aruana

No Alto Araguaia estão as cidades de Barra do Garças (MT) e Aragarças (GO), alcançáveis a partir de São Paulo. A partir de Brasília, o melhor é seguir até Anápolis, virar para Nerópolis, Nova Veneza, Inhumas, Itauçu, Itaberaí, Goiás e Aruanã. Seguindo para o norte, chega-se  aos distritos de Bandeirantes e Luis Alves, à beira-rio. O acesso à parte norte do Araguaia, no estado do Tocantins, é pela Belém-Brasília, rodovia com tráfego pesado e asfalto  esburacado.